segunda-feira, 9 de maio de 2011

Empate no Show de Pizzi Gol




Num ambiente de festa, com estádio cheio, a nossa equipa de teve o condão de manter a sua ambição durante todo o período de jogo, e acabou por ser recompensada com um empate, que nós mantém na luta pelo 5º lugar, o que poderá ser a melhor classificação de sempre do Paços na 1ª Liga, pelo que já não vamos a Europa, mesmo que ocupamos essa posição, pois não foi feita a inscrição.

O Porto surgiu tão bem afinado que, por vezes, parecia ter saltado de uma bobine do filme Fuga para a vitória. Toques de classe, combinações impossíveis, dribles perfeitos, remates em força e em jeito. Falcao vestido de Pelé, João Moutinho com a batuta de Ardiles, Rúben Micael na pele de Bobby Moore e Hulk... apenas Hulk, inimitável. De Stallone ninguém aceitou fazer.

Tudo perfeito na equipa azul e branca, até Pizzi Gol aparecer!!!

Uma vez Falcao, outra vez Hulk, antes de aparecer o mau da fita. Pelo menos do ponto de vista dos azuis e brancos. Pizzi reduziu primeiro para 2-1 (num erro colossal de Rolando) e não foi levado a sério. Muito menos depois de Falcao (qual Pelé, qual quê) ter aumentado novamente a vantagem.

Por esta altura, no início da segunda parte, poucos julgariam ser humanamente possível o Paços ainda chegar ao empate. Mas - lá está, nós avisámos - esta festa extravasou em muito a lógica da realidade.

E Pizzi Gol Pizzi Gol

O último terço foi surpreendente. Depois de Nélson Oliveira ter entrado brutalmente sobre João Moutinho (saiu lesionado) e visto o cartão vermelho, a bancada ávida de espectáculo digno da Sétima Arte pediu mais um, dois, muitos golos.

Surpresa das surpresas, eles surgiram mas na baliza errada. Pizzi roubou a cena, apontou dois golos estupendos e encarnou o papel de desmancha-prazeres. A festa foi, de facto, bonita e o argumento do jogo acompanhou-a.

O facto é que mais um empate, que temos de nos orgulhar, pois fomos a única equipa que roubamos pontos ao FC Porto no Dragão, e se durante a semana por variadas vezes ouvi « adivinhos», que nos ponham a perder este jogo, bem calaram-se todos depois daqueles 90 minutos, é certo que é um ponto, mas tem sabor de vitória, pois foi com 10 jogadores que marcamos o 3 golo, ou melhor que Pizzi MARCOU UM GRANDE TERCEIRO GOLO...continuemos a apoiar, esta equipa, pois estamos mais um vez numa das melhores épocas de sempre, vai certamente faltar a Europa no final, pois tenho a certeza que com Mário Rondón e André Leão, somos capazes de levar de vencida a equipa da briosa, por isso dia 14 tudo a Mata Real!!!



Sem comentários:

Enviar um comentário